Câncer nos ossos da coluna: o que é e como diagnosticar?

cancer-nos-ossos-da-coluna

Talvez você já tenha ouvido falar ou mesmo conheceu alguém com câncer nos ossos da coluna, mas ainda não entende muito bem.

Na maioria das vezes, é um caso de metástase, ou seja, a pessoa já tem um câncer instalado, como por exemplo, câncer de pulmão ou próstata, e esses tipos de câncer desenvolvem metástases, as quais vão para a coluna.

É muito importante o paciente ser avaliado por um médico especialista em coluna para o diagnóstico e orientar quanto ao tratamento.

Para tirar todas as suas dúvidas sobre câncer nos ossos da coluna, reunimos as principais informações com tudo o que você precisa saber!

Câncer nos ossos da coluna o que é?

O principal tipo de câncer nos ossos da coluna é decorrente de metástase, que é quando a pessoa já tem outro câncer instalado e desenvolveu metástase, ou seja, migrou para a coluna através do sangue.

Os tipos de câncer que com mais frequência causam metástases na coluna são câncer de próstata, mama e pulmão.

Por isso, caso o paciente já tenha o diagnóstico de um tumor, é muito importante informar ao seu médico se apresentar uma dor na coluna.

No entanto, existem outros tipos de câncer na coluna, que são chamados de primários, isto é, se desenvolvem na própria coluna.

Esses casos exigem uma avaliação especializada de um médico especialista em coluna, a fim de definir o tipo e o tratamento.

O médico vai avaliar a necessidade de cirurgia ou o encaminhamento para radioterapia ou quimioterapia.

Quais os sintomas mais comuns de câncer nos ossos na coluna?

Muitas vezes, o câncer nos ossos da coluna pode ser assintomático, ou seja, ausência de sintomas.

Por outro lado, o paciente pode apresentar:

Dor local;

Instabilidade da coluna;

Dor que irradia para braços ou pernas;

Formigamento ou fraqueza muscular;

Deformidade da coluna.

Uma avaliação por uma equipe multidisciplinar é necessária, composta por médico especialista em coluna e oncologista.

Somente após o exame clínico, histórico do paciente e exames complementares, que será possível determinar o tratamento.

Como é o diagnóstico?

No caso de metástase, e quando o paciente apresentar algum sintoma, o médico vai solicitar uma ressonância e/ou tomografia da coluna.

E se houver uma lesão, o recomendado é avaliar toda a coluna, a fim de verificar a presença de outras lesões.

Um outro exame é a cintilografia óssea, que pode ser útil para identificar tumores que desenvolveram metástases para o osso, por exemplo, o câncer de pulmão, mesmo quando não houver sintomas.

Hoje em dia, o PETscan também é muito utilizado para detectar câncer nos ossos da coluna.

Compartilhar este post:

Dr. Aurélio Felipe Arantes

Dr. Aurélio Felipe Arantes

Dr. Aurélio é ortopedista especialista em coluna vertebral e possui ampla experiência na área. Graduado em Medicina pela Universidade Federal de Goiás, é membro titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT). CRMGO 11500 – RQE 7219 - Clique e conheça mais!

Conheça Mais
Você vai gostar também